quinta-feira, 11 de novembro de 2010

CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DE SENADOR POMPEU - PRESERVAR O PATRIMÔNIO HISTÓRICO UMA NECESSIDADE - MAPA E PRINCIPAIS PRÉDIOS QUE FORMAM O PALCO DO GRANDE DRAMA SOCIAL DA SECA DE 32


O MAPA E O PATRIMÔNIO HISTÓRICO MATERIAL

O Mapa do Patrimônio Histórico Material do Sítio Histórico da Barragem do Patu, criado por Valdecy Alves, com editoração de Fridtjof Alves e fotos de Padre João Paulo e Mara Paula, objetiva orientar qualquer turista de como se mover em todo o Sítio Histórico da Barragem do Patu. Usou-se recorte do mapa do Google, com imagens em miniatura dos casarões e outros lugares importantes.  Em Amarelo claro o percurso da Caminhada da Seca,  na cor Laranja a rota que leva a CE 040, estrada Mombaça x Senador Pompeu. Qualquer turista pode imprimi-lo e usá-lo. Eis o mapa:


O mapa acima é para guiar os que precisarem de maiores informações, pode ser reproduzido, contanto que seja citada a fonte, que é o presente blog. 

Abaixo os principais casarões, prédios com valor histórico e ruínas, com descrição e maiores detalhes:




O grande armazém  é a maior construção do Sítio Histórico do Patu. Encontra-se  em ruínas.  Mede:137,00m de comprimento, 12,00m de largura, altura lateral de 5,00m e altura frontal de 8,00m, com uma área total de 1.644,00m². Ao seu redor velhas cargas de cimento petrificados.





Cemitério da Barragem. Lugar sagrado onde se acredita estarem as almas milagrosas, que morreram às centenas na época do Campo de Concentração. Foram enterradas em valas comuns. Lugar místico, tido como Campo Santo. Anualmente local do destino da Caminhada da Seca. possui uma área quadrada de 1.089m².




Serra do Patu a maior elevação de Senador Pompeu. Com mais de 300 metros de Altura. Ao lado dela está o Cemitério de Barragem. Um mirante natural. No passado tinha estrada que chegava até o seu cume. Espera-se que um dia de reabra.





Casarão da Inspetoria. O principal dos casarões, onde ficavam os chefes dos engenheiros ingleses. De lá tinham total controle da Construção. Funcionou como o local onde se distribuiu comida aos flagelados na Seca de 32, medindo 42,50 m de comprimento, e 12,50m de largura, com área total de 588,00m². 





Casa da Oficina, para conserto e manutenção de possíveis ferramentas, equipamentos e máquinas. Medindo 21,00m de comprimento, 10,00m de largura e altura lateral de  3,50m e frontal com 5,50m, e com uma área total de 210,00m². Tem um belo brasão no alto. Em ruínas. Mesmo assim chama atenção pela imponência.





Usina Gótica. Local onde funcionou uma estação geradora de eletricidade.  Um dos prédios mais belos, estilo gótico, inspirado no prédio do Parlamento Inglês. Possui duas portas simples, oito janelas em forma de ogivas e outras duas em formas de círculo. Cumprimento 10,00m e largura de 6,00m com área total de 60,00m².




São duas as casas de pólvora. A primeira, está situada à margem direita da CE 040 e a segunda fica localizada atrás da Serra  do Patu. São construídas basicamente de cimento e pedras, com paredes bastante espessas, e com as seguintes dimensões: espessura das paredes 0,40m, altura 4,00m, comprimento 6,75m, e uma área total de 31,38m². As paredes são fortíssimas. O teto frágil, para em caso de explosão, só explodir para o alto.




A estação é  uma das primeiras construções edificadas pelos ingleses. Era o terminal de um ramal ferroviário construído para levar materiais de construção. Suas medidas são: comprimento de 30,00m, largura de 10,00m, altura lateral 4,30m e altura frontal 7,30m. Era lá que os trens descarregavam mantimentos na Seca de 32. Está em ruínas. Fica à margem da CE 040.




Eram 04 casas iguais. Construídas para abrigar funcionários do terceiro escalão, entre os engenheiros e apontadores. Todas possuem dimensões padronizadas. Medindo, cada uma delas, 15,00m de comprimento por 8,00m de largura, perfazendo 120m². Uma delas caiu recentemente por abandono.




 Igreja Matriz de Senador Pompeu. Em 1919, Senador Pompeu é transformada em Paróquia Nossa Senhora das Dores. Pe Manoel Soares foi o primeiro Vigário, que começou a construção da Igreja Matriz. Sendo concluída em setembro de 1922. A igreja com planta em cruz latina, tem uma única torre no centro da fachada do estilo barroco,  em cujo interior há um belo relógio movido à gravidade. Cada porta (3) está coroada por um óculo, a torre inicia quadrada e torna-se octógona no campanário.




Uma das 02 casas dos demais engenheiros ingleses. Logo abaixo do Casarão da Inspetoria. São os prédios mais conservados. Acomodações perfeitas e muito bem distribuídas nos seus seis quartos, duas grandes salas, um anexo com uma cozinha e seis pequenas dependências, medindo 42,50 m de comprimento, e 12,50m de largura com área total de 588,00m².

IMPORTANTE OBSERVAÇÃO: Um pouco acima do prédio do hospital chegaram a existir 500 casas de taipas para hospedar os trabalhadores na obra da construção da Barragem do Patu. Só restam  resquícios, pois eram muito frágeis. Como a  barragem não foi concluída, toda a infraestrutura, em 1932, ano da grande seca, veio a ser utilizada como Campo de Concentração. Há restos das casas, um enorme tanque, resquícios de aqueduto e de alicerces devorados pela erosão e pelo tempo. Só possível visitar tal local no período de setembro a dezembro, quando a mata seca.

SOBRE A PRESERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO MATERIAL EM CONJUNTO COM O MEIO AMBIENTE, HAVERÁ IMPORTANTE AUDIÊNCIA PÚBLICA, NA CÂMARA MUNICIPAL DE SENADOR POMPEU, COM A PRESENÇA DO PODER EXECUTIVO, PODER LEGISLATIVO, ONG´s, INTELECTUAIS, ARTISTAS, MILITANTES CULTURAIS E SIMPATIZANTES DA LUTA. Einstein dizia que olhar para o céu estrelado é olhar a um só tempo para o passado, para o presente e para o futuro. O tempo é uno, uma coisa só, o ontem, o hoje, o amanhã. Por isso a memória não tem como não ser preservada!

5 comentários:

Prof Ms João Paulo de Oliveira disse...

Prezado confrade Valdecy Alves!
Parabenizo-o por agilizar ações no sentido de preservar e divulgar um patrimônio histórico que desvela a cruciante questão da seca.
Caloroso abraço! Saudações memoralistas!
Até breve...
João Paulo de Oliveira
Diadema-SP

ESCOLA AMBIENTAL APRENDIZES DA NATUREZA disse...

O curso de Educação Física da Estácio / FIC procurando inovar ações pedagógicas e atividades curriculares da disciplina de Estrutura e Funcionamento da Educação Básica estará promovendo no proximo dia 19 de novembro de 2010 as 19 horas no auditório da FIC UNIDADE VIA CORPVS em Fortaleza - Ceará a apresentação e discussão da Peça PAULO RÉGLUS NEVES FREIRE como pre requisito avaliativo da disciplina. A atividade faz parte do critério de ações pedagógicas do curso de educação Física que procura verificar habilidades, competências e ações como critérios de avaliação e prática pedagógica. A peça será apresentada pelo Grupo Teatral Cactus de Acarape - Ceará e terá apoio logístico e acompanhamento dos alunos da disciplina.
Maiores informações com o professor DJACYR DE SOUZA através do telefone 99799611 ou pelo blog caosnaeducacao.blogspot.com

Josselene Marques disse...

Valdecy:

Quanta cultura! Quanta informação em um único lugar.
Parabéns, meu amigo.
Cresço sempre que passo por aqui.
Tenha um ótimo feriado.
Abraço fraterno.

Rociania disse...

Olá Valdecy, parabenizo pela iniciativa de fazer um importante registro cultural e histórico da cidade de Senador Pompeu, estive em 2006 visitando a estação digital da cidade de Senador Pompeu e um dos educadores nos levou para conhecer o açude Patu, o educador foi muito atencioso e nos mostrou um pouco da história da barragem de Patu, durante a visita tirei algumas fotografias dos casarões e da barragem.
A necessidade de realizar registro como este que você fez é muito grande no nosso país, a população acaba que desconhecendo sua própria história. Concordo com você, quando diz, ” O tempo é uno, uma coisa só, o ontem, o hoje, o amanhã. “ Preservar a memória de forma integral é fundamental. Pois a memória cultural/histórica, busca uma nova cultura de construção de uma consciência capaz de valorizar, cuidar, numa dinâmica que cria vínculos entre o passado e o presente.
Realmente, todas as esferas da sociedade devem estar comprometidas com a conservação da memória cultural histórica esse é um dos caminhos para tomada de consciência e de transformação.

Profª Rociania disse...

Olá Valdecy, parabenizo pela iniciativa de fazer um importante registro cultural e histórico da cidade de Senador Pompeu, estive em 2006 visitando a estação digital da cidade de Senador Pompeu e um dos educadores nos levou para conhecer o açude Patu, o educador foi muito atencioso e nos mostrou um pouco da história da barragem de Patu, durante a visita tirei algumas fotografias dos casarões e da barragem.
A necessidade de realizar registro como este que você fez é muito grande no nosso país, a população acaba que desconhecendo sua própria história. Concordo com você, quando diz, ” O tempo é uno, uma coisa só, o ontem, o hoje, o amanhã. “ Preservar a memória de forma integral é fundamental. Pois a memória cultural/histórica, busca uma nova cultura de construção de uma consciência capaz de valorizar, cuidar, numa dinâmica que cria vínculos entre o passado e o presente.
Realmente, todas as esferas da sociedade devem estar comprometidas com a conservação da memória cultural histórica esse é um dos caminhos para tomada de consciência e de transformação.

Related Posts with Thumbnails